Parente – a Esperança do Mundo

Em tempos nebulosos, sombrios e de muita incerteza em que vivemos, com a sombra de uma pandemia que arrasa com o planeta, PARENTE – A esperança do mundo vem no sentido de resiliência, reflexão e trazer a tona a potencia da palavra resistência em toda sua magnitude refletida na força das artes originarias, linguagens, formas e pensamentos das culturas milenares originarias, subvertendo o processo de retaliação com a sabedoria e empoderamento de povos que sempre estiveram e estão para defender todas as manifestações de vida presente nesta terra-humanidade.

Graciela Guarani

Graciela Guarani

Pertencente à nação Guarani Kaiowá, é produtora cultural, ativista, cineasta, curadora de cinema e formadora em audiovisual. Uma das mulheres indígenas pioneiras em produções originais audiovisuais no cenário Brasileiro, tem um currículo que inclui direção, roteiro e fotografia em mais de 10 obras audiovisuais, formadora no Curso Mulheres Indígenas e Novas Mídias Sociais- da Invisibilidade ao acesso aos direitos pela @onumulheresbr e TJ/MS, debatedora da Mesa redonda Internacional de Mulheres na Mídia e no Cinema na 70a. Berlinale - Berlin International Film Festival 2020. Coautora do especial “Falas da Terra”(Rede Globo)